Banner Vista de Livro
 Aplicar filtros
Livros do mês: Julho 2021
Temas 
Palavras Chave 
Módulo background

[BARBOSA, Jerónimo Soares]

Foram localizados1 resultados para: [BARBOSA, Jerónimo Soares]

 

Referência:14716
Autor:[BARBOSA, Jerónimo Soares]
Título:ESCHOLA POPULAR DAS PRIMEIRAS LETRAS dividida em quatro partes
Descrição:

Imprensa da Universidade, Coimbra, 1796. In-8º de 4 tomos encadernados em 1 respectivamente com (2)-62, 75, (2)-89-VIII estampas desdobráveis e 123 págs. respectivamente. Encadernação coeva, em pele mosqueada com lombada cujos dourados são dispostos em casas abertas e com dizeres sobre rótulo de pele castanha clara. Encadernação com sinais de leves manuseamento, sem qualquer fragilidade estrutural e papel em excelente estado mantendo a sua sonoridade original. Estampa VI com mancha de tina marginal. Assinatura de posse coeva (datada de 1814 com o respectivo preço) no anterosto.

No final do volume, encontra-se encadernado junto um CATALOGO de alguns livros Portuguezes que s evendem na casa de António Barneoud, mercador de livros em Coimbra , ao longo de 4 páginas, onde refere a presente obra ornada, na terceira parte, com nove estampas. Os raros exemplares consultados, apenas um existente nas mãos de um bibliófilo privado, consta da IXª estampa que falta no nosso exemplar, estando todos os outros mancos desta mesma gravura desdobrável, e alguns até sem a estampa VIª, prática recorrente nesta obra.

No final da obra, na última página, encontra-se manuscrito com caligrafia muito legível e coevo à publicação, uma RECEITA ANTIGA para realização de tinta de escrever, receita distinta, sobre com a mesma finalidade, das que também se encontram impressas na 3ª parte deste título.

BASTANTE RARO.
 

Observações:

Encontra-se a presente obra dividida da seguinte forma, em quatro partes, todas com frontspício e numeração própria:
- ESCHOLA / POPULAR / (...) / PARTE PRIMEIRA. / ORTHOEPIA, / ou boa pronunciação, e leitura / da / lingua portugueza. // COIMBRA: / Na Real Imprensa da Universidade. / anno de 1796.
- ESCHOLA / POPULAR / (...) / PARTE SEGUNDA. / CATECISMOS, / de doutrina, e civilidade / christam, / Para Instrucção, e para Exercicio / da Leitura, // COIMBRA: / Na Real Imprensa da Universidade. / anno de 1796.
- ESCHOLA / POPULAR / (...) / PARTE TERCEIRA. / da / CALLIGRAPHIA, / e / ORTHOGRAPHIA, / ou arte de escrever bem / e certo / a lingua portugueza. // COIMBRA: / Na Real Imprensa da Universidade. / anno de 1796.
- ESCHOLA / POPULAR / (...) / PARTE QUARTA. / ARITHMETICA / VULGAR. // COIMBRA: / Na Real Imprensa da Universidade. / anno de 1796.

A obra foi publicada sem que o verdadeiro autor se identificasse na altura da publicação, mas identificada como sendo de Jerónimo Soares Barbosa (1737-1816). As terceiras e quartas partes apresentam, no verso do rosto, a taxação datada de 1797 o que permite concluir que este na realidade somente chegou a ser divulgado em 1797 (mesmo que a impressão já possa ter começado em 1796). Elas circularam na época todas independentes.
Não há  dúvidas quando à autoria desta obra como sendo Jerónimo Soares Barbosa, atribuída e comprovada pelo biógrafo Rodrigues de Gusmão
(1844), não obstante se observar  os poucos exemplares existentes nas principais bibliotecas portuguesas não se encontram atribuídos autoria sendo catalogadas como obras anónimas (exemplar da BN e da BGUC).

 

Sobre este título recomendamos um estudo recente muito detalhado por Rolf Kemmler (2012) em que conclui:
"... cremos que os opúsculos linguísticos de Soares Barbosa que pertencem à Eschola Popular podem e devem ser encarados como antecedentes linguísticos da Grammatica Philosophica do mesmo autor, mesmo que lhes seja própria uma orientação mais simplista que se deve à orientação para um público-alvo de alunos de ensino primário..." em que GRAMMATICA PHILOSOPHICA (1822, edição póstuma) " ... merece um lugar de destaque por servir como charneira entre as gramáticas portuguesas com influências das várias correntes da Grammaire générale francesa e a introdução do método histórico-comparativo na linguística ...". Atribui a Eschola Popular das Primeiras Letras como um manual metalinguístico de extrema importÂncia no ensino moderno da língua portuguesa.

Estamos a crer que esta obra serviu de inspiração à Cartilha Maternal de João de Deus, publicada um século depois.

A obra que apresentamos é pioneira no género do estudo e gramática da linguística portuguesa, por ser a primeira gramática, com
tónica claramente pedagógica, onde cada capítulo contém estratégias metodológicas dirigidas ao professor - a primeira no género na bibliografia portuguesa.
 

Preço:365,00€