Livro
 Aplicar filtros
Temas 
Palavras Chave 
Módulo background

PECCADO ANTIGO

em Literatura Portuguesa

Referência:
7493

Autor:
GAYO, M. da Silva

Palavras chave:
sem palavras chave

Ano de Edição:
sem ano de edição definido

28,00€


Adicionar Sugerir

Título:
PECCADO ANTIGO
Descrição:
Antiga Livraria Orcel, Coimbra, 1893. In-8.º de 101(1) págs. Brochado com falta de ante-rosto. Bom exemplar com miolo muito limpo.
Observações:
Manuel da Silva Gaio (Coimbra, 6 de Maio de 1860 — Coimbra, 11 de Fevereiro de 1934) foi um poeta, teorizador e ensaísta português. Foi o introdutor do neolusitanismo, um movimento literário com a sua origem na obra de António Nobre que proclamava a criação de uma poesia nacionalista e regionalista em Portugal. Com afinidades ao simbolismo, aquele movimento tinha como objectivos centrais reavivar as tradições e as fórmulas literárias verdadeiramente autóctones, mas, ao mesmo tempo, introduzir-lhes inovações métricas e estilísticas. Na poesia de Silva Gaio, tal como na dos outros poetas da corrente estética em que se inseriu, perpassa a angústia motivada pela passagem do tempo, a inquietação religiosa e o amor enquanto fatalidade e causa de morte. Sem nunca ter atingido a plenitude artística em nenhum dos géneros a que se dedicou, Silva Gaio exerceu grande influência, especialmente a nível ideológico, junto dos poetas e artistas do seu tempo.
Voltar