Banner Homepage
 Aplicar filtros
Livros do mês: Janeiro 2020
Temas 
Palavras Chave 
Módulo background

Montra de Destaques

Referência:14277
Autor:autoria indefinida
Título:ARTE DA DANSA DE SOCIEDADE
Descrição:

Eduardo & Henrique Laemmert, Rio de Janeiro, s.d. (1874). In-8º de 136-VII ilustrações litográficas. Encadernação coeva, empoeirada, meia inglesa em pele com falhas  na lombada a necessitar de restauro. Carimbos a óleo de posse antigos no ante-rosto e frontspício. Miolo limpo e sem defeitos apontar.

Apresenta ainda o sub-título:

"... ensinada em lições claramente explicadas por meio de trinta e duas figuras gravadas e contendo além das contradansas geraes, das figuras da vaalsa, da polka, da schottisch e da redowa as marcas das contradansas provinciaes e de varias outras inteiramente novas inclusive: Les Landiers: Les Prouesses de Rocambole: La Jeunesse commerciale: La Princesse Imperiale dedicada aos Professores e curiosos."

Observações:

Trata-se da terceira edição aumentada do MAIS ANTIGO MANUAL DE DANÇA publicado no Brasil, no ano de 1854, ano este que conheceu duas edições. Demos conta de uma 4ª edição publicada em 1901.
Na época a reforma Couto Ferraz (Decreto nº 1.331, de 17 de fevereiro de 1854; Coleção de leis do império do Brasil – 1854. Rio de Janeiro, p. 45, v. 1, pt. I. ) aprova o regulamento para a reforma do ensino primário e secundário do município da Corte, a dança tornou-se obrigatória no Colégio Pedro II. Somente na década de 70 do séc. XIX, seria suprimida daquela instituição o que justificou a reedição deste manual com substancial aumento. O mesmo ocorrera em Portugal, desde a transição dos séculos XVIII e XIX, tendo a dança sido incorporado às exigências de educação, de homens e das mulheres, não só na aristocracia, mas também na classe média.

Preço:120,00€

Referência:14247
Autor:CASIMIRO, Augusto
Título:CALVÁRIOS DA FLANDRES
Descrição:

Renascença Portuguesa, Porto, 1920. In-8º de 213-(2) págs. Brochado. Capa de brochura ilustrada por Sousa Lopes. Acidez geenralizada própria da qualdiade do papel. Rubrica de posse antiga no frontspício. Exemplar em bom estado, muito limpo. Exemplar do terceiro milheiro (2ª edição).

Observações:

Oficial do exército português, Augusto Casimiro participou na Campanha da Flandres (1917-1918) o que lhe valeu várias condecorações e a promoção a capitão. Foi poeta, memorialista, jornalista e comentarista políticoe destacado opositor republicano ao regime político do Estado Novo. Fez parte do grupo que fundou a Renascença Portugueza (1912) e, dez anos mais tarde, do grupo de intelectuais que lançou a revista Seara Nova, que dirigiu entre 1961 e 1967.

Do índice: Portugal e Flandres; 9 de Abril, Cálvarios da Flandres; Searas da Morte; Prisoneiros; Enfermeiras da Grande Guerra, Oração Lusiada, o Rapto das Donzelas; Depois do Amristício; A oração da Trincheira; da Vitória, etc ...

Preço:25,00€

Referência:14246
Autor:CASTRO, Augusto de
Título:CAMPO DE RUÍNAS - Impressões de Guerra
Descrição:

Empresa Literária Fluminense, Lsibao, (1918-?). On-8º de 205-(1) págs. Encadernado meia inglesa em pele azul com dizeres e decoração de  motivos florais dourados na lombada. Conserva capa de brochura posterior. Ligeiro aparo marginal. Rúbrica de posse coeva no ante-rosto. Exemplar do 4º milheiro (2ª edição). Exemplar limpo e bastante fresco, sem as habituais manchas e acidez própria da qualidade do papel.

Observações:

Do índice:
Uma parada militar na Flandres ; Nas Trincheiras; Nas ambulâncias e baterias; o General Tamagnini; Como se vive na Guerra; Nas linhas inglesas; A ofensiva da paz,Como a Alemanha será vencida; Paisagens de Guerra; Venizellos e Lloyd George; O que é preciso dizer a Portugal ... entre outros capítulos de interesse para a compreensão dos episódios militares ocorridos nos campos de batalha.

esta obra, dada o seu elevado sucesso popular na época, conheceu diversas edições em pouco tempo.

 

Preço:19,00€

Referência:14272
Autor:CLARO, António
Título:O PELOURINHO Critica da nossa Historia politica desde 1817 a 1904.
Descrição:

 Livraria Depositária de J. Figueirinhas Junior, Porto, 1904. In-8º  de 519-(4) págs. Encadernação inteira em pele com dizeres a ouro na lombada. Ilustrado com o retrato do autor. Volume único, o segundo volume não foi publicado. Conserva capa de brochura.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

INVULGAR.

Observações:

 Obra sobre  a história do século XIX em Portugal, desde o reinado de D. João VI até 1850, ano que antecedeu a queda de Costa Cabral e dos governos de inspiração setembrista. Obra com interesse acrescido pelas muitas notas e documentação apresentadas pelo autor.

"Procurei ser exacto. Os meus esforços visaram a exhibir, com verdade, as personalidades politicas do paiz mais em voga nos ultimos oitenta e sete annos e por algumas das quaes tive certa veneração, quando confiado singularmente na tradição, toda ella refalsada e espactaculosa, as suppuz dotadas do caracter, da energia e da sagacidade dos grandes vultos dos tempos luminosos da História das nações."

Preço:40,00€

Referência:14192
Autor:FONSECA, Manuel da
Título:O FOGO E AS CINZAS
Descrição:

Editorial Gleba, Lda. , Lisboa, s.d. (1953). In-8º de 161-(6) págs. Brochado. Capa ilustrada por Victor Palla e livro inserido na prestigiada colecção bibliográfica "Três Abelhas". Exemplar quase perfeito não fosse os ligeiros picos de humidade própria da qualidade do papel e a pequena falta de papel no pé da lombada.

Observações:

PRIMEIRA EDIÇÃO da obra. Colecção dirigida por Victor Palla e Aurélio Cruz.

A escrita de Maniuel da Fonseca "... trata na verdade de uma ideologia muito pessoal, que olha o passado afectivamente, como se o preferisse, o que não impede que a sua obra se insceva no espírito e movimento neo-realista, ainda que de forma mais universal, ao colocar o indíviduo num centro e num plano diferentes daqueles para que aponta a realização colectiva ...". (in DICIONÁRIO CRONOLÓGICO  DE AUTORES PORTUGUESES, vol. IV, Publicações europa-América, 1998)

Preço:30,00€

Referência:14274
Autor:GOMES, Soeiro Pereira
Título:ESTEIROS
Descrição:

Edições Sirius, Lisboa, In-8º de 297-(7) páginas. Capa de brochura e páginas capitulares ilustrada por Álvaro Cunhal. Encadernação inteira de percalina preta com dizeres na lombada. Aparo marginal, rúbrica de posse desvanecida por acção da humidade, sinais desta extensíveis ao miolo e falta da capa de brochura posterior. Mesmo assim, exemplar fresco com papel mantendo a sonoridade. 
Exemplar, apesar dos defeitos apontados, é ainda assim, estimável por ser RARO e em PRIMEIRA EDIÇÃO.

Observações:

Única obra publicada pelo escritor em vida, tendo sido apreendida pela polícia política de então.

Na epígrafe lê-se: "para os filhos dos homens que nunca foram meninos, escrevo este livro". E segue-se com: " Esteiros. Minúsculos canais, como dedos de mão espalmada, abertos na margem do Tejo. Dedos das mãos avaras dos telhais, que roubam nateiro às águas e vidores à malta. Mãos de lama, que só o rio afoga."
Este livro retrata a realidade dos trabalhadores da época de vidas duras, de homens explorados. Realidades tristes, de crianças que não o puderam ser na sua plenitude, por serem forçadas a crescer à força de trabalho infantil. 

Preço:39,00€

Referência:14263
Autor:LOPES, A.
Título:NOVO METHODO DE DANÇAS DE SALÃO OU O VERDADEIRO GUIA DAS DANÇAS MODERNAS, Composto expressamente para uso dos portuguezes
Descrição:

Papelaria e Typ. Azevedo, Porto, 1885. In-8º de 354-(12) págs. Encadernação coeva meia inglesa em pele vermelha com dizeres e florões a ouro na lombada. Profusamente ilustrado com gravuras abertas a chapa de aço em extra-texto representando os diferentes tipos de danças, inclui também partituras para piano para diferentes tipos de danças de salão.  Com uma fotografia do autor. Ornada com 42 gravuras representado técnicas e estilos de dança e 10 partituras em desdobráveis de maiores dimensões. Texto emoldurado à maneira romântica. Ligeiro aparo marginal. Nítida impressão sobre papel de boa qualidade.

PRIMEIRA EDIÇÃO (e única?).

RARÍSSIMA.

Observações:

Livro muito interessante sobre as danças de salão com uma descrição pormenorizada de cada umas das modas.

Preço:245,00€

Referência:14269
Autor:NEMÉSIO, Vitorino
Título:CAATINGA E TERRA CAÍDA - Viagens do Nordeste e no Amazonas
Descrição:

Livraria Bertrand, Lisboa, sem data (1968-?). In-8º de 357-(1) págs. Br.
PRIMEIRA EDIÇÃO.

Observações:

Da nota de badana: " A identificação do autor com paisagens e gentes brasileiras vai desde o saber histórico e sociológico à intimidade dos costumes e à apropriação da linguagem. (...)
Estes cadernos de viagem ao Nordeste e ao Amazonas completam, com um fio romanesco e um impressionismo flagrante de fauna, flora e gentes, largamente informado de cidades, engenhos, fazendas de gado, postos e cocais do “aranhol”, o largo itinerário (...)"

Preço:30,00€

Referência:14268
Autor:NEMÉSIO, Vitorino
Título:ONDAS MÉDIAS por ...
Descrição:

Livraria Bertrand, Lisboa, 1945. In-8º de 360 págs. Br. Em excelente estado de conservação.

Observações:

PRIMEIRA EDIÇÃO desta apreciada colectânea de crónicas que " ... tiveram grande divulgação mediática em programas de rádio ..." e consagradas a grandes figuras da literatura portuguesa de todos os tempos.

Capítulos sobre Dom Duarte, Damião de Góis, Anchieta, Frei Tomé de Jesus, Gaspar Frutuoso, Heitor Pinto, Cavaleiro de Oliveira, Correia Garção, Tolentino Gonzaga, Bocage, Garrett Herculano, Camilo, Eça de Queiróz, Juio de CAstilho, Anselmo Braamcamp Freire, Fausto Guedes Teixeira, António Nobre, etc ...

Preço:35,00€

Referência:14261
Autor:NEMÉSIO, Vitorino
Título:LA VOYELLE PROMISE poemes
Descrição:

Edições Presença, Coimbra, 1935. In-8º de 67 págs. Br. Cadernos por abrir.

Observações:

Das edições "Presença", embora se leia na capa "Éditions R.A. Corrêa, Paris".

Criação poética «por dentro» da língua francesa (que o autor dominava perfeitamente), carregada de vivências insulares.
É, segundo Fernando Guimarães, na sua obra "A Poesia da Presença e o aparecimento do Neo-Realismo", um dos principais livros de poesia publicados em 1935.

Preço:90,00€

Referência:14248
Autor:PIMENTA, Eduardo
Título:A FERRO E FOGO na Grande Guerra (1917-1918).
Descrição:

Renascença Portuguesa, Porto, 1919. In-8º de 132-(1) págs. Brochado. Ilustardo à parte com fotografias impressas sobre papel couché. Papel ligeiramente acidificado, própria da sua qualidade. Bom exemplar.

 

Observações:

Eduardo Pimenta é um dos nomes que retrata através do testemunho deste livro A Ferro e Fogo: Na Grande Guerra (1917-1918), histórias inesperadas e uma grande quantidade de descrições e fotografias que permitem observar o ambiente do conflito vivido na Flandres durante a 1ª Grande Guerra .

 

Do índice: O Enterro; No Hospital de Snrª Duqueza de Westminster; As bandeiras; Em SAint Omer; A morte da cathedral; O último jantar; O soldado-poeta; Regresso ao lar.

Preço:20,00€

Referência:14241
Autor:PIRES, José Cardoso
Título:O RENDER DOS HERÓIS (narrativa dramática em três partes e uma apoteose grotesca)
Descrição:

Publicações Europa América, Lisboa, 1960. In-8º de 183-(2) págs. Brochado. Inserida na colecção "os livros das três abelhas". PRIMEIRA EDIÇÃO.

Observações:

"... José Cardoso Pires começou por fazer uma confissão e uma revelação. Não era homem do teatro e tinha uma péssima ideia do ambiente teatral. - "Não queria nada com o teatro!", explicou sorrindo, que sofrera, em tempos uma dolorosa experiência. Tinha portanto de penitenciar-se ..." (in "Diario de Lisboa", 29-I-1965)

Preço:30,00€

Referência:14260
Autor:SENA, Jorge de
Título:40ANOS DE SERVIDÃO
Descrição:

Moraes Editora, Lisboa, 1979. In-8 de 233-(17)págs. Br. Colecção "Circulo de Poesia". 1ªedição

Observações:

Obra Póstuma de Jorge de Sena com prefácio de Mécia de Sena. Para além de poemas que já constavam em outras obras, incluiram-se também poemas dispersos por jornais e revistas.
Do prefácio quanto possível de Mécia de Sena
Volume que Jorge de Sena queria que fosse a súmula poética de toda uma vida agora encerrada(...)

Preço:38,00€

Referência:14259
Autor:SENA, Jorge de
Título:DIALÉCTICAS TEÓRICAS DA LITERATURA
Descrição:

Edições 70, Lisboa, 1977. In-8º de 301-(3) págs. Br. Colecção "Signos".

Observações:

Dez importantes estudos de teoria literária, dentre os quais é de salientar a proposta de uma nova tipologia literária, com um estudo aplicado a uma obra de Camões.

Preço:18,00€

Referência:14162
Autor:[ANDRADE, José Calheiros Magalães e]
Título:REGRAS DAS CINCO ORDENS DE ARCHITECTURA SEGUNDO OS PRINCPIOS DE VIGNHOLA, com hum ensaio sobre as mesmas Ordens feito sobre o sentimento dos mais celebres Architectos
Descrição:

Impressão Régia, Lisboa, 1830. In-4º de frontspício alegórico+VII-154pp + 82 estampas abertas a buril. Encadernação coeva inteira de carneira com decoração dourada ao gosto da época, também com rótulo de pele preta na lombada com dizeres a ouro. Esta apresenta defeitos de uso nas charneiras e zonas marginais das pastas. Miolo limpo e papel mantendo a sonoridade própria. Assinaturas de posse no frontispício.
Ao presenta exemplar faltam as gravuras numeradas nº 2 e 81. Rúbricas de posse no frontspício e no verso deste, página branca (sem impressão) toda manuscrita com historial de pertence do livro até 1922.
 

Observações:

Esta tradução é feita por José Calheiros Magalhães Andrade e dedicada a D. Francisco de Lemos de Faria Pereira Coutinho (1735-1822). Conheceu uma primerira edição em 1787, e ainda, segundo Inocêncio, duas outras posteriores à presente.

Inocêncio, t.IV, 287; t. XII, 270

Preço:275,00€