Banner Vista de Livro
 Aplicar filtros
Livros do mês: Junho 2024
Temas 
Palavras Chave 
Módulo background

Açores

Foram localizados 59 resultados para: Açores

 

reservado Sugerir

Referência:14773
Autor:BOLÉO, Manuel de Paiva
Título:A LÍNGUA PORTUGUESA DO CONTINENTE, DOS AÇORES E DO BRASIL (Problemas de colocnização do povoamento).
Descrição:

Fac Letras da Univ. de Coimbra, Coimbra, 1983. In-8º de 56(1) págs. Brochado. Amarelecimento marginal. Ostenta uma dedicatória autógrafa.

Observações:

Separata da Revista Portuguesa de Filologia.

Preço:10,00€

Referência:15114
Autor:CORRÊA, Marques de Jacome
Título:HISTORIA DA DESCOBERTA DAS ILHAS
Descrição:

Imprensa da Universidade, Coimbra, 1926. In-8º de (4)-220-(3). Brohcado. Exemplar muito estimado e em muito bom estado de conservação.

Observações:

Estudo histórico de elevado interesse para a determinação do que poderiam ter sido as causas e factores influenciadores na descoberta das ilhas colonizadas pelos portugueses. Dos capítulos, descrevem-se os seguintes: I - Portugal e a organisação social feudataria no principio do seculo XV; II - Os Infantes; III - Portugal e a Política Europeia; IV - As Explorações Marítimas; V - A navegação portugueza antes e depois das descobertas; VI - O conhecimento dos antigos do mundo habitado; VII - O conhecimento que tinham os arabes, do Mundo; VIII - Os propagadores da sciencia antiga na Edade Media; IX - A sciencia na Italia na Edade Media; X - A política externa portugueza no reinado de D. Affonso IV; XI - As Ilhas Athlanticas nas cartas da Edade Media; XII - A Influencia Ingleza nas Descobertas Portuguezas; XIII - A Colonisação das Ilhas; XIV - Frei Gonçalo Velho, o Descobridor dos Açores.

Marquez de Jacome Corrêa (1882-1932) foi grande proprietário, sucedendo nos vastos domínios de sua casa, e adido à embaixada de Portugal em Londres. Ficou conhecido o Marquês como grande filantropo, nomeadamente pelos seus frequentes actos de grande benemerência, aliás á semelhança de seu pai. Ficou Aires Jácome Correia conhecido por ter publicado vários estudos históricos sobre a ilha de S. Miguel.

Preço:35,00€

Referência:3171
Autor:MARTINS, Francisco Ernesto de Oliveira
Título:A ESCULTURA NOS AÇORES
Descrição:

Secretaria Regional da Educação e Cultura, Região autónomo dos Açores, 1983. In. 4.º de 400 págs. Br.

Observações:

Ilustrado ao longo do texto. Prefácio de Bernardo Ferrão. Tiragem especial de 200 exemplares numerados e rubricados.

Preço:65,00€

Referência:13783
Autor:Oliveira, Ernesto Veiga de
Título:TECNOLOGIA TRADICIONAL AGRÍCOLA DOS AÇORES
Descrição:

Instituto Nacional de Investigação Científica (INIC), Lisboa, 1987. In-8º de 96-(80) págs. Brr. Profusamente ilustrado com 80 páginas com fotografias em extra-texto e com desenhos de  Fernando Galhano ao longo do texto. Integrado na colecção "Colecção Etnologia".

Observações:

Monografia muito exaustiva sobre os aspectos fundamentais da tecnologia agrícola tradicional açoriana, as alfaias e os processos de conservação e armazenagem do milho usados no arquipélago.

Preço:35,00€

Referência:15055
Autor:Sem autoria
Título:ALBUM AÇOREANO
Descrição:

Editores - Oliveira & Baptista (Typographia e Photogravura do Annuario Commercial de Portugal), Lisboa, 1903. In-4º oblongo com 608 págs. Encadernação inglesa meia de pele com cantos. Pasta gravada a ouro com dizeres. Lombada gravada com ferros dispostos em fillets, a ouro. Sinais de manuseamento. Lombada e pastas com pequenos gastos. Miolo com pequenos restauros marginais e raras manchas de acidez. Muito bom estado de conservação. Ricamente ilustrado e impressão cuidada com decoração e vinhetas decoratoivas, ao gosto arte nova, impressa a duas cores. Preserva ambas as capas de brochura de um dos fascículos, publicação através da qual, veio sendo publicada na época.

BASTANTE INVULGAR e da maior importância para o estudo dos hábitos, história, genealogia e costumes açoreanos.

Observações:

Obra que deu um muito importante e grande contributo, à época, para o conceito de açorianidade, que começou a esboçar-se muitos anos antes de lhe ser inventado o nome pelo qual acabou por ficar conhecido. Enquanto especificidade cultural açoriana, que quis ver reconhecida uma identidade, a açorianidade remonta um pouco antes da publicação do presente livro, aos anos noventa do século XIX, quando se ambicionava a descentralização do poder político no arquipélago e se apelava à união das ilhas.

Preço:280,00€