Banner Vista de Livro

Palavras chave | Key Words

Açores | África | Afrodite | Agricultura | Alemanha | Alentejo | Algarve | América | Anais | Angola | Anti-Clericalismo | Antigo Regime | Antologia | Aramaico | Arqueologia | Arquitectura | Arquitectura Militar | Arquitectura Religiosa | Arte | Arte Monumental | Arte Popular | Arte Portuguesa | Artes Decorativas | Artes Plásticas | Artesanato | Autógrafos | Aveiro | Azurara | Barrancos | Batalhas | Beira | Bibliofilia | Bibliografia | Biografia | Botânica | Braga | Bragança | Brasil | Cabo Verde | Caça | Calão | Camiliana | Camilo | Camões | Campo Maior | Caricaturas | Casa de Bragança | Castelo Branco | Castelo de Vide | Catálogo | Ceilão | Censura | Cerâmica | Cervantes | Ceuta | Chaves | China | Ciências | Ciganos | Cinema | Cister | Coimbra | Colonização | Conto | Contos | Correspondência | Costumes | Cristãos Novos | Crítica | Crónica | Culinária | D. Henrique | Dança | Descobrimentos | Descolonização | Diário | Dicionário | Diplomacia | Direito | Ditadura | Douro | Economia | Edição especial | Educação | Educação Sexual | Emigração | Ensaio | Epístola | Epistolografia | Ericeira | Erotismo | Escultura | Esoterismo | Espanha | Estado Novo | Estanho | Estremoz | Estudos Pessoanos | Etnografia | Europa | Fauna | Fernando Pessoa | Figueira da Foz | Filologia | Filosofia | Flora | Folclore | Fotografia | França | Fundão | Galiza | Genealogia | Geografia | Gil Vicente | Goa | Grécia | Guerra | Guerra Colonial | Guerra Peninsular | Guiné | Hagiografia | Hebraico | História | História Natural | Humanismo | Idade Média | Igreja | Iluminura | Ilustração | Imprensa | In Memoriam | Índia | Inglaterra | Inquisição | Islão | Itália | Japão | Jesuítas | Jogo de Cartas | Jornalismo | Judeus | Latim | Leiria | Liberalismo | Linguagem | Linguística | Lisboa | Literatura | Literatura de Cordel | Literatura de Viagens | Literatura Erótica | Literatura Infantil | Literatura portuguesa | Livro | Livros Proibidos | Macau | Maçonaria | Madeira | Malacologia | Mariana Alcoforado | Marinha | Marquês de Pombal | Marrocos | Medicina | medieval | Memórias | Minho | Misericórdias | Missões | Mitologia | Moçambique | Moda | Modernismo | Monarquia | Monarquia Constitucional | Muçulmanos | Música | Música Portuguesa | Neo-Realismo | Novela | Novelas | Numismática | Ordem Monástica | Oriente | Ourivesaria | Pesca | Pintura | Piratas | Poesia | Poesia Trovadoresca | Polémica | Polícia | Política | Porto | Portugal | Presença | Primeira Guerra Mundial | Primeiras edições | Propaganda | Prostituição | Quintentista | Rafael Bordalo Pinheiro | Raro | Regional | Religião | Religiosa Portuguesa | Renascimento | República | Restauração | Revista | Ribatejo | Romance | Romanceiro | Romantismo | S. Tomé e Príncipe | Salazar | Sátira | Sebastianismo | Segunda Guerra Mundial | Sermão | Sexualidade | Sintra | Sociedade | Solares | Tauromaquia | Tavira | Teatro | Tecnologia Tradicional | Teologia | Termas | Terminologia Militar | Timor | Tipografia | Tiragem Especial | Torres Vedras | Tradução | Trás-os-Montes | Tratado | Turismo | Ultramar | Universidade | Viagens | Vila Real | Vinho | Viseu | Vista Alegre | Zoologia

Módulo background

Bibliofilia

Foram localizados 23 resultados para: Bibliofilia

 

Referência:13465
Autor:FILIPE, Daniel
Título:MARINHEIRO EM TERRA. Poemas.
Descrição:

Edição do autor, Lisboa, 1949. In-8º de 53-(3)págs. Br. Capas com alguns picos de acidez. Capa de António Vaz Pereira. Este exemplar é o nº 2 de 5 exemplares em papel bíblia, da Matrena, fora do mercado, numerados e rubricados pelo autor". Valorizado pela expressiva dedicatória autógrafa ao poeta José Osório de Castro a quem o livro também é dedicado.

PRIMEIRA EDIÇÃO do segundo e raro livro do autor.

Observações:

 

CANTIGA DE RODA

A tarde no jardim deserto e calmo
e este livro de poemas morno e fútil!
(Por exemplo: vejamos este "salmo")
Tudo tão completamente inútil!

Um céu azul, sem núvens - de verão.
Duas crianças jogam animadamente
ao eixo. Um entusiasmo são
qur me torna igual a toda a gente!

Apetece ser simples e sincero,
aqui onde há crianças e pardais...
Que diabo! Uma vez, ao menos, quero
ser como os mais!

 

Preço:75,00€

Referência:13336
Autor:FREITAS, Gustavo de & CABRAL, Miguel de Castro
Título:OBRAS DO DIABINHO DA MÃO FURADA Novela atribuída a Antonio José da Silva ( o Judeu). Edição e estudo Critico de
Descrição:

Revista da Lingua Portuguesa, Rio de Janeiro, 1925. In-4º de XXV-85 págs. Br. Capas de brochura envelhecidas. Separata da Revista da Lingua Portuguesa. Edição especial de 29 exemplares numerados e rubricados pelos autores dos quais "só entram no commercio os de nº 22  a 29", sendo este exemplar o nº 19. Valorizado pela dedicatória autógrafa ao poeta José Osório de Oliveira.

RARO.

Observações:

Obra portuguesa, de autoria e data controversa do Séc XVIII ou XIX,atribuida a António José da Silva e que circulou em forma de manuscritos, conhecendo-se apenas dois manuscritos preservados que divergem em alguns detalhes: um deles está na Biblioteca Nacional e outro na Academia de Ciências de Lisboa.
A obra,  narra a  história do Diabinho da Mão furado e do soldado Peralta às voltas com pactos, diabos, bruxas, e também com  referências clássicas, como a Bíblia, a Divina Comédia de Dante,e Dom Quixote de  Cervantes.Nas entrelinhas dessa   narrativa, o autor introduz severas críticas à sociedade lisboeta e à intolerância da Inquisição  
Portuguesa.
As primeiras 25 páginas desta obra encerram um prefácio de Fidelino de Figueiredo e um estudo critico de Gustavo de Freitas & Miguel de Castro Cabral.

Preço:50,00€

Referência:12586
Autor:INSO, Jaime do
Título:CHINA
Descrição:

Edições Europa, Lisboa, 1936. In-4º de 396 págs. Belíssima encadernação editorial, decorada a ouro e lavrada a ferros secos nas pastas e lombada.  Livro  impresso em papel couché, primorosamente ilustrado a negro nas páginas de texto e algumas gravuras a cores aplicadas em folhas de cartolina e protegidas por papel vegetal.

INVULGAR.

Observações:

Jaime do Inso foi um oficial da marinha Portuguesa que serviu em Macau e participou na pacificação de Timor em 1912. Era membro da geração de orientalistas portugueses juntamente com nomes como Wenceslau de Moraes, Alberto Osório de Castro e Camilo Pessanha, e escreveu vários livros e opúsculos sobre a China e Macau.

Os seus livros são uma referência para o conhecimento da presença portuguesa no Oriente pois era um verdadeiro apaixonado por Macau e pela China.

 

Do índice:

Introdução — Abordando as terras de Catai; Primeira Parte — A China Antiga; Segunda Parte — A China Moderna; Terceira Parte — Macau, Jóia do Oriente.

“A China absorve-nos, narcotiza-nos, prende e domina, como regra geral, o nosso espírito, invade tudo, o raciocínio e o sentimento, como uma teia invisível que aperta, pouco a pouco, insensivelmente, que nos sufoca, esgota e cansa!
A China é traiçoeira e calma, insinua-se quanto mais se aborrece, deseja-se quando se odeia, aspira-se como uma necessidade, a China, que quase até nos mata!
A China é como uma feiticeira que tem sortilégios, é a cartomante terrível que parece escrever o nosso destino com letras invisíveis: há no seu ambiente um sopro de agoiro, uma agonia, uma tristeza, uma tortura, que se recebem sem custo e com prazer, como uma necessidade fatal da nossa existência.
A China é o mistério que ri e que dança na frente de nós, numa volúpia dolorosa do espírito duende, a China é a mensageira do desconhecido que perturba, enerva, envenena e vence.
A China é tudo isso e muito mais ainda que a minha pena não sabe descrever, a China não se define, só se respira e sente, como um veneno imprescindível a quem uma vez o provou.”

Preço:95,00€

Referência:12263
Autor:LOPES, A.
Título:NOVO METHODO DE DANÇAS DE SALÃO OU O VERDADEIRO GUIA DAS DANÇAS MODERNAS, Composto expressamente para uso dos portuguezes
Descrição:

Papelaria e Typ. Azevedo, Porto, 1885. In-8º de 354-(12) págs. Encadernação coeva meia inglesa em pele vermelha com dizeres e florões a ouro na lombada. Profusamente ilustrado com gravuras abertas a chapa de aço em extra-texto representando os diferentes tipos de danças, inclui também partituras para piano para diferentes tipos de danças de salão.  Com uma fotografia do autor. Ornada com 42 gravuras representado técnicas e estilos de dança e 10 partituras em desdobráveis de maiores dimensões. Texto emoldurado à maneira romântica. Ligeiro aparo marginal. Nítida impressão sobre papel de boa qualidade.

PRIMEIRA EDIÇÃO (e única?).

RARÍSSIMA.

Observações:

Livro muito interessante sobre as danças de salão com uma descrição pormenorizada de cada umas das modas.

Preço:245,00€

Referência:13009
Autor:MARTINS, José V. de Pina
Título:PARA A HISTÓRIA DA CULTURA PORTUGUESA DO RENASCIMENTO a iconografia do livro impresso em Portugal no tempo de Dürer
Descrição:

Fundação Calouste Gulbenkian, Paris, 1972. In-4º de 119-(3) págs. Br. "Separata do Volume V dos Arquivos do Centro Cultural Português--Paris.". Ilustrado ao longo do texto e em extra-texto com a reprodução de frontispícios de livros, gravura, colofons, etc. Tiragem especial de quarenta e quatro exemplares numerados de I a XLIV assinados pelo autor.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

Observações:

Ensaio muito exaustivo sobre edição de livros em Portugal durante o Renascimento, dando especial atenção à iconografia.

Preço:39,00€

Referência:12526
Autor:MARTINS, José V. de Pina
Título:SÁ DE MIRANDA E A CULTURA DO RENASCIMENTObibliografia - I
Descrição:

Oficinas Gráficas da Livraria Cruz, Braga, 1972. In-4º gr. de 506-(2) págs. Br. Ilustrado em extra-texto com reproduções de portadas, frontispícios e gravuras de livros antigos, manuscritos e outros documentos e com três provas de artista de três águas fortes de Martins da Costa. Edição especial de 33 exemplares numerados e assinados pelo autor sendo este o número 18. Primeiro e único volume publicado.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

INVULGAR.

 

 

 

Observações:

Um dos mais notáveis trabalhos bibliográficos portugueses sobre Sá de Miranda, exaustivamente desenvolvido escrito por Pina Martins qur foi um prestigiado Professor e Investigador. A ele se deve a descoberta de um dos mais antigos incunábulos em língua portuguesa, impressos em Portugal (Tratado de Confissom, 1489). Pina Martins reuniu uma das mais importantes bibliotecas privadas sobre estudos humanísticos da Europa.

 

Preço:125,00€

Referência:12792
Autor:NEGREIROS, José de Almada
Título:PIERROT E ARLEQUIM, personagens de Theatro. Ensaios de dialogo seguidos de commentarios por... com um autoretrato dois figurinos um desenho allusivo e motivo da capas.
Descrição:

 Portugália Editora. Nov. De XXIV. (1924), Lisboa, In-8º 69, [2] págs. Encadernação inteira de marroquin vermelho com dizeres dourados na lombada. Decoração nas seixas. cosnerva capas de brochura. Ligeiro aparo à cabeça.

Observações:

Edição original das mais raras obras do autor. Capa de brochura ilustrada a cores e prata.

Preço:300,00€

Referência:12666
Autor:REDOL, Alves
Título:A FRANÇA, da resistência à renascença.
Descrição:

Editorial Inquérito (e Edições Cosmos). Lisboa. S.d. In-4º de 575 págs. Encadernação editorial com ferros secos, dourados e a côr nas pastas e na lombada em pele. Profusamene ilustrado ao longo do texto, mancha tipográfica capitular com vinhetas tipográficas decorativas e ilustrado também em separado. Charneira com ligeiros sinais de manuseamento.

MAGNÍFICA edição de luxo publicado sob patrocínio moral do Departamento das Relações Culturais do Minsitério dos Negócios Estrangeiros e da União Nacional dos Intelectuais da França.

No prefácio: "... Escrevi este livro sem propósitos literários, julgando que cumpra um dever humano e um dever nacional. O dever nacional estava no exemplo dado por outra gente que, rodeada de todas a sangústias, perdida no meio de destruições sem conta, tolhida pelo espanto dos massacres feitos na sua própria carne, ainda tinha esperança na sua condição e no seu futuro, para se entregar às mais árduas fainas de uma redenção que muitos outros continuavam a tentar diminuir ou a pretender esmagar. Este livro é, pois, acima de tudo, uam expressão da minha confiança no destino nacional e na caminhada dos homens de braços abertos para o futuro - dos homens que guardaram no coração aquela luz que as trevas quiseram apagar no momento mais tragico da história do mundo ...".

Observações:
Preço:55,00€

Referência:12927
Autor:RODRIGUES, Armindo
Título:A ESPERANÇA DESESPERADA poemas
Descrição:

Edição do autor, Coimbra, 1948. In-8º de 70-(1) págs. Br.Integrado na colecção do "Galo", dada a lume em Coimbra e cuja tiragem foi sempre muito restrita. Tiragem especial de 30 exemplares numerada, em papel de linho, com um poema autógrafo e um retrato do autor por Maria Keil.


PRIMEIRA EDIÇÃO.
RARO & PEÇA DE COLECÇÃO.

Observações:

RUMO

Ergue-se do fundo
do mundo em mim
tudo o que penso.
Pensar é ir
e o que sou
alegremente
o aceito e quero.

Ao pé do imenso
espanto de existir
o resto é zero.

Tudo procuro
sem crer em nada
definitivo,
com o motivo
exacto e duro
de tudo querer
compreender.

Pensar é ir.
Ir é ser.

Preço:60,00€

reservado Sugerir

Referência:12896
Autor:THOMAZ,Annibal Fernandes
Título:BOLETIM DE BIBLIOGRAPHIA PORTUGUEZA
Descrição:

 Imprensa da Universidade de Coimbra, Coimbra, 1879-1882. Dois volumes encadernados num só de In-8 de  212 e 304 págs. Encadernação meia francesa com dizeres a ouro na lombada. Com capas de brochura conservadas e ligeiro aparo marginal. Nítida impressão sobre papel de linho. Lombada com ligeiro defeitos de manuseamento. A impressão do segundo volume terminou na página 304. TUDO QUANTO FOI PUBLICADO.

PRIMEIRA EDIÇÃO (e única).

RARO.

Observações:

Publicação mensal bibliográfica, dirigida por Anibal Fernanddes Tomás, e com as  colaborações de António Francisco Barata, Dr. Augusto Fillipe SimÕes, Augusto Mendes Simões de Castro, Ernesto do Canto, Fernando Castiço, Francisco António Rodrigues do Gusmão, João Corrêa Ayres de Campos, José Joaquim da Silva Pereira Caldas, Manuel Bernardes Branco, Dr. Theophilo Braga.

 

 


DUAS PALAVRAS

"De ha muito que entre os poucos bibliophilos do nosso paiz era geralmente sentida a falta de um jornal de bibliographia modelado por alguns dos que vêem a luz na França na Bélgica e na Allemanha ; mas, apezar de se reconhecer essa falta, ninguém até hoje tinha tomado sobre si o encargo de preenche-la.

Principiamos hoje a publicação d'um jornal d'esta indole, certos de que não passará d'um ensaio, julgando-nos muito felizes se conseguirmos sustenta-lo um anno. Fica d'esta forma á disposição dos amigos dos livros, com cuja dedicada coUaboração contamoS; um pequeno periódico, que, sem nada prometter, se esforçará comtudo por se tomar interessante e curioso, como repositório de noticias biblographicas.

Nâo nos falte a cooperação dos bibliophilos, que a boa vontade é de sobra no redactor."

Preço:195,00€

Referência:13351
Autor:WRIGHT, Sidney
Título:THE ROMANCE OF THE WORLD'S FISHERIES teresting descriptions of the many & curious methods of fishing in all parts of the world
Descrição:

Seeley & Co, Londres, 1908. In-8º de 320-(16) págs. Encadernação editorial cuidada com dizeres e ilustração a ouro, vermelho e branco nas pastas e lombada. Ilustrado em extra-texto com 24 ilustrações. Livro em lingua inglesa.

Observações:

Obra de referência sobre a pesca e os métodos utilizados no mundo inteiro.

PREFACE

In an account of the world's fisheries it is impossible  to use the word " fish " only in its strictly scientific
meaning; for what are everywhere known as "fisheries " include the taking of many creatures which are not really fish. Whaling, sealing, turtle-catching, and pearl-diving must necessarily have a place in the following  pages.

Little attempt has been made to treat the subject from the commercial or industrial point of view. The author has rather endeavoured to give an animated picture of the fisherman's life, of his methods, his hardships and  adventures, his disappointments, and his hardly won successes. The best authorities have been consulted, but many of the details are drawn from the author's own  experience.

 

Preço:90,00€