Banner Vista de Livro
 Aplicar filtros
Livros do mês: Fevereiro 2023
Temas 
Palavras Chave 
Módulo background

Encadernação artística

Foram localizados 5 resultados para: Encadernação artística

 

Referência:14938
Autor:IVENS, Guilherme Ferraz
Título:O CRUZADOR "REPÚBLICA" NA CHINA em 1925, 1926 e 1927: relatórios do comandante chefe das forças navais portuguses no Extrêmo Oriente
Descrição:

Imprensa da Armada, Lisboa, 1932. In-8º de (16)-654-(19) págs. Encadernação artística, com pastas estilizadas e rematadas com filets dourados, conservando as belíssimas capas de brochura. Com uma inscrição manuscrita "De ordem de Sua Exª o Comandante Geral da Armada, é distribuido este exemplar nº 338 ao 2º tenente do S. M. (nome do destinatário do livro)" e um carimbo dde autenticação do Minstério da Marinha. Profusamente ilustrado ao longo do texto.

Edição com tiragem de 500 exemplares para a Liga Naval Portuguesa. Exemplar apenas aparado à cabeça, revestido de meia-encadernação de pele, conservando as capas de brochura.

PEÇA DE COLECÇÃO.

Observações:

Inserida numa colecção de publicações da Marinha intitulada "Subsídeos para a História da Guerra Civil na China e dos Conflitos com as Potências".

Preço:85,00€

Referência:14927
Autor:Sem autoria
Título:RELAÇÃO DA SOLEMNE ACÇÃO DE GRAÇAS QUE O CORPO DO COMMERCIO DA CIDADE DO PORTO ORDENOU SE RENDESSE AO ALTISSIMO no dia 22 de Outubro, pela feliz união do Supremo Governo do Reino com o governo interino de Lisboa.
Descrição:

Na Real Imprensa da Universidade, Coimbra, 1821. In-8º de 47 págs. Encadernação artística de meados do séc. XX, inteira de pele, com filets gravados a ferros secos de motivos vegetalistas e a lombada com rótulos vermelhos dourados com dizeres. Exemplar, muito fresco e cuidado, mantendo a sonoridade original do papel.

PEÇA DE COLECÇÃO

Observações:

inclui o SERMÃO EM ACÇÃO DE GRAÇAS pela desejada e muito feliz união da JUNTA PROVISÓRIA do GOVERNO SUPREMO DO REINO com o GOVERNO INTERINO DE LISBOA, verificada no 1º de Outubro de 1820, que na Igreja dos Monges Beneditinos da Cidade do Porto, recitou Frei António de Santa Barbara, "...Tanto que chegou ao Porto a fausta Noticia de haver entrado em Lisboa a junta Provisional do Supremo Governo, em virtude de um previo Concerto com a Junta Interina, e da vontade geral, que reconhecia nos Illustres Restauradores incontestavel direito ao Governo da Nação, em quanto as Côrtes não fossem instaurada: O Corpo do Commercio Portuense, avaliando as importantes resultas de tal acontecimento, e entendendo bem, que elle não podia effectuar-se sem particular intervenção da Providencia Divina, determinou, que no dia 22 de Outubro se celebrasse Missa solemne com Sermão e 'Te Deum' em honra do Todo Poderoso. Foi
escolhido para este Acto Religioso o magnífico Templo dos Monges de S. Bento de Nossa Senhora da Victoria. Oito Commerciantes, nomeados pela Corporação, tiverão a seu cargo dirigir quanto fosse conducente para a execução do que se havia ordenado.
(...) em cuja orquestra "tiverão assento todos os mais habeis
Professores de Musica, executárão-se peças de Autores Portuguezes, sendo o Te Deum' obra recentemente acabada do bem conhecido Mestre de Capella Antonio da Silva Leite
(...)"

Preço:70,00€