Banner Vista de Livro

Palavras chave | Key Words

Açores | África | Afrodite | Agricultura | Alemanha | Alentejo | Algarve | América | Anais | Angola | Anti-Clericalismo | Antigo Regime | Antologia | Aramaico | Arqueologia | Arquitectura | Arquitectura Militar | Arquitectura Religiosa | Arte | Arte Monumental | Arte Popular | Arte Portuguesa | Artes Decorativas | Artes Plásticas | Artesanato | Autógrafos | Aveiro | Azurara | Barrancos | Batalhas | Beira | Bibliofilia | Bibliografia | Biografia | Botânica | Braga | Bragança | Brasil | Cabo Verde | Caça | Calão | Camiliana | Camilo | Camões | Campo Maior | Caricaturas | Casa de Bragança | Castelo Branco | Castelo de Vide | Catálogo | Ceilão | Censura | Cerâmica | Cervantes | Ceuta | Chaves | China | Ciências | Ciganos | Cinema | Cister | Coimbra | Colonização | Conto | Contos | Correspondência | Costumes | Cristãos Novos | Crítica | Crónica | Culinária | D. Henrique | Dança | Descobrimentos | Descolonização | Diário | Dicionário | Diplomacia | Direito | Ditadura | Douro | Economia | Edição especial | Educação | Educação Sexual | Emigração | Ensaio | Ensino | Epístola | Epistolografia | Ericeira | Erotismo | Escultura | Esoterismo | Espanha | Estado Novo | Estanho | Estremoz | Estudos Pessoanos | Etnografia | Europa | Évora | Fado | Fauna | Fernando Pessoa | Figueira da Foz | Filologia | Filosofia | Flora | Folclore | Fotografia | França | Fundão | Galiza | Genealogia | Geografia | Gil Vicente | Goa | Grécia | Guerra | Guerra Colonial | Guerra Peninsular | Guiné | Hagiografia | Hebraico | História | História Natural | Humanismo | Idade Média | Igreja | Iluminura | Ilustração | Imprensa | In Memoriam | Índia | Inglaterra | Inquisição | Islão | Itália | Japão | Jesuítas | Jogo de Cartas | Jornalismo | Judeus | Latim | Leiria | Liberalismo | Linguagem | Linguística | Lisboa | Literatura | Literatura de Cordel | Literatura de Viagens | Literatura Erótica | Literatura Infantil | Literatura portuguesa | Livro | Livros Proibidos | Macau | Maçonaria | Madeira | Malacologia | Mariana Alcoforado | Marinha | Marquês de Pombal | Marrocos | Medicina | medieval | Memórias | Militar | Minho | Misericórdias | Missões | Mitologia | Moçambique | Modernismo | Monarquia | Monarquia Constitucional | Muçulmanos | Música | Música Portuguesa | Neo-Realismo | Novela | Novelas | Numismática | Ordem Monástica | Oriente | Ourivesaria | Pedagogia | Pesca | Pintura | Piratas | Poesia | Polémica | Polícia | Política | Porto | Portugal | Presença | Primeira Guerra Mundial | Primeiras edições | Propaganda | Prostituição | Quintentista | Rafael Bordalo Pinheiro | Raro | Regional | Religião | Religiosa Portuguesa | Renascimento | República | Restauração | Revista | Ribatejo | Romance | Romanceiro | Romantismo | S. Tomé e Príncipe | Salazar | Santarém | Sátira | Sebastianismo | Segunda Guerra Mundial | Sermão | Sexualidade | Sociedade | Solares | Surrealismo | Tauromaquia | Tavira | Teatro | Tecnologia Tradicional | Teologia | Termas | Terminologia Militar | Timor | Tipografia | Tiragem Especial | Torres Vedras | Tradução | Trás-os-Montes | Tratado | Turismo | Ultramar | Universidade | Viagens | Vila Real | Vinho | Viseu | Vista Alegre

Módulo background

Espanha

Foram localizados 18 resultados para: Espanha

 

Referência:13060
Autor:AGUIAR, António
Título:GENEALOGIA ILUMINADA DO INFANTE DOM FERNANDOpor António de Holanda e Simaõ Bening. Estudo histórico e crítico por...
Descrição:

Edicão do autor, Lisboa. 1962.In-fólio com 218 pags. Br.. Profusamente ilustrado com fac-similes, diagramas genealógicos e reproduções iconográficas. Exemplar nº 291 de uma tiragem de 450 exemplares numerados e assinados pelos autor.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

INVULGAR.

Observações:


Notável estudo da simbólica utilizada neste manuscrito iluminado de um filho de D. Manuel I, peça hoje na posse do Museu Britânico.
Muitos são nomes que já lhe foram atribuídos: “Genealogia dos Reis”. “Genealogia iluminada do Infante D. Fernando”, ”Árvore Genealógica dos Reis de Portugal”, “Genealogia por António de Holanda”, Iluminuras de Simão de Bening”.
Consiste  num manuscrito composto por 13 fólios finamente iluminadas por uma oficina flamenga com o propósito inacabado de mostrar a união das Casas Reais portuguesa e espanhola, através do Infante Dom Fernando antepassado de D. Manuel e igualmente descendente do Conde Dom Henrique e de seu pai o Rei Santo Estevão da Hungria.

Preço:60,00€

Referência:13097
Autor:autoria indefinida
Título:CRÓNICA GERAL DE ESPANHA DE 1344
Descrição:

Academia Portuguesa da Historia, Lisboa, 1951. In-8.º de três volumes de DXCIX, 454 e 483 págs ( Falta o 4.º volume.). Br.

Observações:

A Crónica de 1344 é considerada a mais importante das crónicas historiográficas portuguesas anteriores ao século XV e um marco da prosa medieval em língua portuguesa,  foi elaborada por Pedro Afonso, conde de Barcelos, em 1344 e refundida cerca de 1400, tendo sido traduzida para castelhano, tanto a refundição como a versão original.
Esta edição critica do texto português pelo Académico Correspondente Luis Filipe Lindley Cintra contém um aprofundado estudo crítico nas 599 páginas do 1º volume, constituindo a tese doutoramento em Filologia Românica do autor, pela Univ. de Lisboa, em 1953.

Preço:77,00€

Referência:13098
Autor:BETHENCOURT, Francisco
Título:HISTÓRIA DAS INQUISIÇÕES Portugal, Espanha e Itália
Descrição:

Círculo de Leitores, Lisboa, 1994. In-4º de  400 págs. Encadernação editorial com sobrecapa. Profusamente ilustrado ao longo do texto.

Observações:

Um dos estudos mais completos sobre a instituição repressiva católica e uma tentativa de explicar porque, como e porquê actuou em Portugal, Espanha e Itália. Ele enuncia descobertas recentes, e faz um estudo comparativo sobre a instituição naqueles três países, desde o fim do séc. XV até ao princípio do XIX. Aborda temas como: formas de organização, rituais e etiquetas, modelos de ação inquisitorial, números de vítimas e a representação em imagens e pinturas da época, por inquisidores, judeus e protestantes.

Preço:25,00€

Referência:13453
Autor:CERVANTES, Miguel
Título:EL INGENIOSO HIDALGO DON QUIJOTE DE LA MANCHA compuesto por ... Lujosa edición con un proemio de José M. Asensio lustraciónes deDon Moreno Carbonero y Don Laureano Barrau eCERVANTES Y SUS OBRAS
Descrição:

 F. Seix, Editor, Barcelona, 1898-1904. Três volumes de in-8º de LXXXVIII-607,  XXIII-667 , X-563 págs. Sumptuosa encadernação editorial com lombada em chagrin com estampa a cores e ouro na capa, na pasta anterior ostenta o escudo real gravado a ferro, magnificamente bem conservada assim como as cromolitografias a cores de José Moreno Carbonero e Laureano Barrau protegidas por folha de papelde  seda. Vinhetas e letras capitulares policromadas da autoria de diferentes artistas. Corte superior das folhas brunido a ouro fino.

Observações:

Os dois primeiros volumes encerram a obra "Dom Duixote" de Cervantes e o terceiro volume encerra um conjunto de 27 ensaios sobre Cervantes, da autoria de José M. Asensio, um dos maiores estudiosos da sua obra, dos quais destacamos: Sobre las ediciones primitivas de El Ingenioso Obras desconocidas de Cervantes, Sobre La Estafeta de Urganda, Los continuadores de El Ingenioso Sobre La Española Inglesa, Desavenencias entre Miguel de Cervantes y Lope de Vega, El Conde de Lemos, Estudió Cervantes en Salamanca?, Un cervantista portugués del siglo XVIII quemado por el Santo Oficio, Los académicos de Argamasilla, El testamento de Cervantes, Sentido oculto del Quijote.

Preço:240,00€

Referência:13668
Autor:ESTEVES, Raul
Título:ALGUMAS OBSERVAÇÕES SOBRE A GUERRA DE ESPANHA
Descrição:

Edição de autor, Lisboa, 1939. In-8º de 106 págs. Encadernação meia francesa em chagrin com dizeres e florões em pele. Conserva capas de brochura.

INVULGAR.

Observações:

Estudo militar de um general que comandou a Missão Militar Portuguesa de Observação em Espanha na Guerra Civil de Espanha.
Obra divide-se em três partes:
Ensinamentos de ordem estratégica; Ensinamentos tácticos; Observações relativas ao factor moral da luta.

Preço:21,00€

Referência:13014
Autor:PAIS, Fr. Álvaro
Título:ESPELHO DOS REIS Vol. I
Descrição:

Instituto de Alta Cultura, Lisboa, 1955. In-4º de 489-(7) págs. Br. Ilustrado em extra-texto. Por abrir.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

INVULGAR.

Observações:

Obra de Álvaro Pais, Bispo de Silves que antes exercera o cargo de Secretário do Papa João XXII, em Avinhão,  que é uma espécie de manual do bom governo. O autor considera que o poder político vem de Deus, indicando três formas como rectamente chega uma pessoa ao governo. A primeira "quando é posta à frente das outras por geral e comum consenso da multidão (communi consensu multitudinis)"; a segunda, "por especial mandato do próprio Deus, como sucedeu no povo israelítico"; a terceira "por instituição daqueles que fazem as vezes de Deus". Este livro é considerado o primeira obra conhecida de filosofia política escrito em Portugal, contudo as informações nele contidas abrangem aspectos que ultrapassam o pensamento político, abordando temas de interesses diversos para o estudo da Península Ibérica.

Preço:29,00€

Referência:13330
Autor:SARDINHA, António
Título:À LAREIRA DE CASTELAestudos peninsulares.
Descrição:

Edições Gama, Lisboa, 1943. In-8º de XVIII-289-(1) págs. Br.. Capas de brochura amarelecidas. Ostenta uma assinatura de posse.

Observações:

Obra póstuma de António Sardinha que reune os artigos publicados pelo autor em diversas revistas e jornais em defesa do seu conceito de hispanismo.

Encerra cartigos como: A lareira de Castela, A descoberta de Espanha, O exército espanhol, Crónica de Espanha, A festa da raça, Paixâo de Espanha, Hispanismo e latinidade, O Pan-Hispanismo, Madre-Hispânia, entre muitos outros.


"Não há a "Espanha", – expressão política. Há as "Espanhas", – expressão geográfica. Dentro das "Espanhas", Portugal foi a vocação marítima, enquanto que Castela foi a vocação terrestre. Graças a Castela, a Europa se salvou do perigo turco e da anarquia religiosa. Graças a Portugal, novos mundos se dilataram para o domínio da Fé e para o império da Civilização. Assim, por paradoxal que isso possa parecer, é exactamente na separação das duas pátrias que reside a sua unidade imortal. Olhemos para as páginas da História e sem demora se reconhecerá que o desastre de Toro consolidou a vitória de Aljubarrota!"

 

Preço:25,00€

Referência:13293
Autor:SARDINHA, António
Título:ALIANÇA PENINSULARAntecedentes & Possibilidades
Descrição:

Livraria Civilização, Porto, 1924. In-8º de 446-(6) págs. Encadernação em sintético com dizeres a ouro na lombada e nas pastas. Ilustrado em extra-texto. Valorizado pela dedicatória autógrafa ao poeta José Osório de Oliveira. Sem capas de brochura.

Observações:

Prefácio do Exmo. Senhor D. Gabriel Maura Gamazo, conde de la Mortera. Obra onde António Sardinha defende a tese de que existindo uma Civilização Ibérica contraposta a uma Civilização Nórdica, é obrigação de Portugal e Espanha formarem uma verdadeira Aliança, não apenas para melhor se defenderem dos ataques dessa mesma Civilização Nórdica mas, acima de tudo, como única forma de recuperarem a superioridade da sua Civilização, da Civilização Peninsular ou Ibérica.

Preço:28,00€

Referência:13886
Autor:SIMÕES, Manuel Breda [org.]
Título:SÍSIFO Fasciculos de Poesia e Crítica
Descrição:

Atlântida, Livraria Editora,Coimbra, 1951-1952.4 números em 3 fascículos de in-8º de 16-32-16 págs. Br. Cadernos por abrir. Capas de brochura ilustradas com desenhos de  A. Alves Martins, Júlio Resende e Mário Soares (pintor). Ilustrada em extra-texto.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

INVULGAR.

Observações:

Colecção completa desta revista muito interessante e de vanguarda que inclui textos de autores portugueses, brasileiros e espanhois. Dá bastante destaque à poesia espanhola. Encerra colaborações de António Ramos Rosa, Carmen Conde, Eugénio de Andrade, Miguel Hernández, Adriano Lourenço de Faria, António de Navarro, António Manuel Couto Viana, Aureliano Lima, Carlos Wallenstein, Domingos Carvalho, Geir Campos, Joaquim Ferrer, Joaquín de Entrambasaguas, José Bento, José Hierro, José P.M. da Fonseca, Lêdo Ivo, Manuel Arce, Manuel Pinillos, Maria da Encarnação Baptista, Paulo António, Paulo Mendes Campos, Pura Vásquez e Tomás Ribas.

Preço:70,00€

Referência:13042
Autor:TURBERVILLE, A. S.
Título:A INQUISIÇÃO ESPANHOLA
Descrição:

Vega, Lisboa, s/d. In-8º de 131-(4) págs. Br. Integrado na colecção "Documenta Histórica".

Observações:

Estudo muito importante sobre a Inquisição espanhola.

"Em 1232, Gregório IX publicou uma bula ("Declinante"). dirigida ao Arcebispo de Tarragona, ordenando-lhe a busca e o castigo dos hereges compreendidos em sua diocese. É digno de nota que essa bula parece ter sido publicada sob a influência de um espanhol, Raimundo de Peñafort, o maior dominicano de sua época, o qual gozava de grande poder na corte papal e foi até o principal inspirador da política de perseguições seguida por Gregório e, portanto, o criador original da Inquisição medieval. No ano seguinte, Jaime, aconselhado pelos eclesiásticos reunidos em Tarragona, promulgou uma lei que castigava com o confisco de seus bens a todos os senhores que protegem herege"


 

Preço:18,00€