Banner Vista de Livro
 Aplicar filtros
Temas 
Palavras Chave 
Módulo background

Neo-Realismo

Foram localizados 13 resultados para: Neo-Realismo

 

Referência:14193
Autor:FONSECA, Manuel da
Título:ALDEIA NOVA contos de...
Descrição:

Livraria Portugália, Lisboa, 1942. In-8º de 193-(1) págs. Br. Capa de brochura ilustrada por Manuel Ribeiro de Pavia. Valorizada pela dedicatória autógrafa.
PRIMEIRA EDIÇÃO.

Observações:

Trata-se do livro de contos de estreia de Manuel da Fonseca, correspondendo a uma colectânea de contos escritos a partir do fim dos anos 20 até ao fim da década de 30. Alguns foram publicados originalmente em jornais e revistas literárias. Contos de teor neo-realista.

Preço:50,00€

Referência:14192
Autor:FONSECA, Manuel da
Título:O FOGO E AS CINZAS
Descrição:

Editorial Gleba, Lda. , Lisboa, s.d. (1953). In-8º de 161-(6) págs. Brochado. Capa ilustrada por Victor Palla e livro inserido na prestigiada colecção bibliográfica "Três Abelhas". Exemplar quase perfeito não fosse os ligeiros picos de humidade própria da qualidade do papel e a pequena falta de papel no pé da lombada.

Observações:

PRIMEIRA EDIÇÃO da obra. Colecção dirigida por Victor Palla e Aurélio Cruz.

A escrita de Maniuel da Fonseca "... trata na verdade de uma ideologia muito pessoal, que olha o passado afectivamente, como se o preferisse, o que não impede que a sua obra se insceva no espírito e movimento neo-realista, ainda que de forma mais universal, ao colocar o indíviduo num centro e num plano diferentes daqueles para que aponta a realização colectiva ...". (in DICIONÁRIO CRONOLÓGICO  DE AUTORES PORTUGUESES, vol. IV, Publicações europa-América, 1998)

Preço:25,00€

Referência:14181
Autor:MONTE, José Ferreira
Título:NOITE REBELDE
Descrição:

Edição do autor, Coimbra, (Oficinas da "Atlântida"),1940. In-8º de 45-(1) págs. Brochado com ligeira e insignificante falta de papel nos canto superior direito da capa anterior e o respectivo canto oposto, da capa posterior. Cadernos por abrir. Capas com descoloração marginal.
Capa de brochura ilustrada com um linóleo de FERNANDO NAMORA (assinada).

Observações:

É o livro de estreia de José Ferreira Monte. Livro de poesia dedicado ao seu amigo João José Cochofel, um dos responsáveis pelo nascimento do grupo primitivo neo-realista em Coimbra. Foi amigo próximo do compositor Fernando Lopes Graça, para quem escreveu versos destinados a serem musicados. Colaborador na revista Vértice  com artigos relevantes à cultura nacional de resistência.

Jose Ferreira Monte (1922-1985) "... foi poeta novelista da primeira geração neo-realista, fez parte do chamado "Grupo de Coimbra" (...) a tristeza confessional, nocturna, do livro de estreia, celebrada por Gaspar Simões como adulta, foi temperada nas colaborações em Gazeta de Coimbra, O Figueirense e Vértice , assinando por vezes como Ferreira da Câmara, M. ou com pseudónimo Adalberto Rosa . Além de rara colaboração em jornais depois de 1974, deixou inédita uma vasta criação poética de desigual valor...". (Dicionário Cronológico de Autores Portugueses, Vol. V, p. 271).

Preço:30,00€

Referência:13359
Autor:REDOL, Alves
Título:UMA FENDA NA MURALHA
Descrição:

Portugália Editora, Lisboa,  S.d. In-8º de  308-(6) págs. Br. Capa de Octávio Clérigo.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

INVULGAR

Observações:

Romance de um dos fundadores do Neo-Realismo cujo ambiente é o de um porto pesqueiro e que relata uma violenta tempestade a bordo de um pequeno barco de pesca.

Da badana:

"Disse Alves Redol que o seu novo romance é ‘um episódio da História Trágico-Marítima dos nosso dias’ e tem razão. Apesar da nossa chamada ‘vocação marítima’, ainda até hoje ninguém se decidira ou tivera a coragem de o descrever com aquela objectividade inexorável que o autor que o autor de Uma Fenda na Muralha pôde condensar nas seguintes e enxutas palavras: ‘uma análise do medo em oito homens diferentes — desde os que dominam aos que são tomados de pânico ‘(...)”

 

Preço:24,00€