Banner Vista de Livro
 Aplicar filtros
Livros do mês: Junho 2024
Temas 
Palavras Chave 
Módulo background

Propaganda

Foram localizados 6 resultados para: Propaganda

 

Referência:14970
Autor:ESTEVES, João
Título:AS ORIGENS DO SUFRAGISMO PORTUGUÊS. A primeira organização sufragista portuguesa: a Associação de Propaganda Feminista (1911-1918).
Descrição:

Bizâncio, Lisboa, 1998. In-8º de 278-81) págs. Brochado.

Observações:


 

Preço:15,00€

Referência:15035
Autor:GALVÃO, Henrique
Título:ALBUM FOTOGRÁFICO DA 1ª EXPOSIÇÃO COLONIAL PORTUGUESA
Descrição:

Litografia Nacional do Porto, (1934). In-8º oblongo de 101 folhas impressas de um só lado, a sépia, com um texto introdutório de Henrique Galvão. Brochado. Os 101 Clichés Fotográficos são da autoria de (Domingos) Alvão.

Observações:

" ... A Exposição Colonial de 1934 enquadra-se no âmbito de uma fotografia propagandista. Esta fotorreportagem retrata um acontecimento – a I Exposição Colonial Portuguesa – e é esse o acontecimento, sobre o qual reside quase todo o interesse, que dita o desenrolar do processo fotográfico.

A Exposição Colonial de 1934 enquadra-se no âmbito de uma fotografia propagandista. Esta fotorreportagem retrata um acontecimento – a I Exposição Colonial Portuguesa – e é esse o acontecimento, sobre o qual reside quase todo o interesse, que dita o desenrolar do processo fotográfico. Assim que enunciada a intenção de “primeira lição de colonialismo dada ao povo português”, a Fotografia Alvão solicita à organização a exclusivo de todo o levantamento fotográfico da I Exposição Colonial Portuguesa, desde a sua abertura (16 de julho de 1934) até ao seu encerramento (30 de setembro de 1934), comprometendo-se a entregar uma coleção de fotografias executadas durante a mesma. A resposta foi positiva e Alvão tornou-se o fotógrafo oficial e exclusivo de toda a exposição. Deste levantamento fotográfico resultou o Álbum Fotográfico da 1ª Exposição Colonial Portuguesa, composto por 101 fotografias. Disposta tanto pelos jardins como pelo Palácio, propriamente dito, a Exposição Colonial contava com inúmeras atrações para os seus visitantes: nos jardins, estavam representadas várias cidades natais com indígenas oriundos das várias colónias portuguesas, existiam, ainda, stands comerciais, restaurantes, reproduções de monumentos célebres, um parque zoológico, “Luna Park” com inúmeras atrações que podiam ser vistas a bordo do “Comboio Colonial” ou do teleférico; já no interior do Palácio estavam representados os organismos oficiais, as empresas e as atividades coloniais e metropolitanas (...)

O álbum de Alvão foi considerado um resumo significativo do trabalho desenvolvido aquando da exposição e foi um dos trabalhos que lhe conferiu maior notoriedade. Devido ao forte cariz político e propagandista da Exposição Colonial, as fotografias de Alvão tornaram-se num elemento ativo na construção de uma mensagem política e correram não só por todos os jornais que iam noticiando os eventos mais marcantes, mas também nos guias e catálogos oficiais. ..." (Fotojornalismo 13)

Preço:200,00€