Banner Vista de Livro

Palavras chave | Key Words

Açores | África | Afrodite | Agricultura | Alemanha | Alentejo | Algarve | América | Anais | Angola | Anti-Clericalismo | Antigo Regime | Antologia | Aramaico | Arqueologia | Arquitectura | Arquitectura Militar | Arquitectura Religiosa | Arte | Arte Monumental | Arte Popular | Arte Portuguesa | Artes Decorativas | Artes Plásticas | Artesanato | Autógrafos | Aveiro | Azurara | Barrancos | Batalhas | Beira | Bibliofilia | Bibliografia | Biografia | Botânica | Braga | Bragança | Brasil | Cabo Verde | Caça | Calão | Camiliana | Camilo | Camões | Campo Maior | Caricaturas | Casa de Bragança | Castelo Branco | Castelo de Vide | Catálogo | Ceilão | Censura | Cerâmica | Cervantes | Ceuta | Chaves | China | Ciências | Ciganos | Cinema | Cister | Coimbra | Colonização | Conto | Contos | Correspondência | Costumes | Cristãos Novos | Crítica | Crónica | Culinária | D. Henrique | Dança | Descobrimentos | Descolonização | Diário | Dicionário | Diplomacia | Direito | Ditadura | Douro | Economia | Edição especial | Educação | Educação Sexual | Emigração | Ensaio | Ensino | Epístola | Epistolografia | Ericeira | Erotismo | Escultura | Esoterismo | Espanha | Estado Novo | Estanho | Estremoz | Estudos Pessoanos | Etnografia | Europa | Évora | Fado | Fauna | Fernando Pessoa | Figueira da Foz | Filologia | Filosofia | Flora | Folclore | Fotografia | França | Fundão | Galiza | Genealogia | Geografia | Gil Vicente | Goa | Grécia | Guerra | Guerra Colonial | Guerra Peninsular | Guiné | Hagiografia | Hebraico | História | História Natural | Humanismo | Idade Média | Igreja | Iluminura | Ilustração | Imprensa | In Memoriam | Índia | Inglaterra | Inquisição | Islão | Itália | Japão | Jesuítas | Jogo de Cartas | Jornalismo | Judeus | Latim | Leiria | Liberalismo | Linguagem | Linguística | Lisboa | Literatura | Literatura de Cordel | Literatura de Viagens | Literatura Erótica | Literatura Infantil | Literatura portuguesa | Livro | Livros Proibidos | Macau | Maçonaria | Madeira | Malacologia | Mariana Alcoforado | Marinha | Marquês de Pombal | Marrocos | Medicina | medieval | Memórias | Militar | Minho | Misericórdias | Missões | Mitologia | Moçambique | Modernismo | Monarquia | Monarquia Constitucional | Muçulmanos | Música | Música Portuguesa | Neo-Realismo | Novela | Novelas | Numismática | Ordem Monástica | Oriente | Ourivesaria | Pedagogia | Pesca | Pintura | Piratas | Poesia | Polémica | Polícia | Política | Porto | Portugal | Presença | Primeira Guerra Mundial | Primeiras edições | Propaganda | Prostituição | Quintentista | Rafael Bordalo Pinheiro | Raro | Regional | Religião | Religiosa Portuguesa | Renascimento | República | Restauração | Revista | Ribatejo | Romance | Romanceiro | Romantismo | S. Tomé e Príncipe | Salazar | Santarém | Sátira | Sebastianismo | Segunda Guerra Mundial | Sermão | Sexualidade | Sociedade | Solares | Surrealismo | Tauromaquia | Tavira | Teatro | Tecnologia Tradicional | Teologia | Termas | Terminologia Militar | Timor | Tipografia | Tiragem Especial | Torres Vedras | Tradução | Trás-os-Montes | Tratado | Turismo | Ultramar | Universidade | Viagens | Vila Real | Vinho | Viseu | Vista Alegre

Módulo background

Sociedade

Foram localizados 14 resultados para: Sociedade

 

Referência:13166
Autor:ALMEIDA, Fialho d'; VASCONCELLOS, Henrique de
Título:LIVRO PROHIBIDO profecias, farças & sandices
Descrição:

Centro Typographico Colonial, Lisboa, 1904, In-8º de 141-(3) págs. Encadernação meia francesa em pele com dizeres a ouro na lombada. Profusamente ilustrado com caricaturas. Papel amarelecido pelo tempo.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

Invulgar

Observações:

Curiosa e contundente sátira aos costumes da época, ilustrada com interessantes caricaturas de Celso Hermínio e Francisco Teixeira.

A ABRIR

"Vae o leitor assistir a um espectáculosinho em três actos, complexo — tragédia, comedia de salão e uma revista politica e de costumes — onde três escriptores trataram de lhe rezumir, em três figurações diferentes, o quantum d'anotação filosófica, optimismo ou agrura dos seus espíritos fasciados.

Espectaculo que o leitor não terá de pagar por um quartinho, como no D. Maria e D. Amelia, obrigado de dois em doisminutos a erguer-se para deixar passar um senhor retardatário, e que a seu talante pode aplaudir ou patear, sem que maiormente isso lhe traga as hostilidades de ninguém.

Os auctores que para esta recita escreveram, são pessoas de tempera diferente e idealisação sentimental de varia côr."

Preço:30,00€

Referência:13357
Autor:autoria indefinida
Título:REVISTA CRÍTICA DE CIENCIAS SOCIAIS
Descrição:

Centros de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, Coimbra, 1978-1986. Vinte primeiros números da Revista de Estudos Sociais em treze volumes (alguns dos números são duplos ou triplos). Br. Alguns volumes com assinatura de posse. Falho do nº 6.

Observações:

 A Revista Crítica de Ciências Sociais é  uma edição quadrimestral do CES (Centro de Estudos Sociais) da Universidade de Coimbra que publica artigos que apresentem resultados de investigação avançada e de reflexão teórica inovadora em todas as áreas das ciências sociais e das humanidades. A revista foi fundada em 1978 por professores de Sociologia da Faculdade de Ecoomia da UC sob a direcção de Boaventura de Sousa Santos.
A Revista privilegia a publicação de números temáticos com artigos escritos por investigadores sobre as  respectivas áreas de especialidade.


Estes primeiros vinte números encerram alguns números temáticos como : Literatura e sociedade; Teoria das classes; A pequena agricultura em Portugal;Portugal 1974-1984: Dez anos de transformação social,  e artigos bastantes interessantes como : Um Exemplo de Resistência Popular - O Sebastianismo (José Veiga Torres);A Reforma Agrária em Portugal e o Desenvolvimento Económico e Social (Afonso de Barros); Telenovelas. A Propósito da Cultura de Massas (João Paulo Moreira); A Escrita na Vida da Gente: Sobre "Autobiografias Operárias" (Maria Irene Ramalho); Re-lendo "A Room of One's Own". Onde se conta de mudas que ouvem, surdos que falam e mudas que aprenderam a falar (Graça Abranches); "All Colored People Sing". Do estereótipo à identidade (Isabel Caldeira); Carta inédita  de Jorge de Sena; Mulheres, Família e Trabalho Doméstico no Capitalismo  (Virgínia Ferreira);Para uma Sociologia da População - um comentário à Demografia  (Carlos Fortuna); A figura do camponês em Artes e Letras de oitocentos (José Augusto França) entre muitos outros.

Preço:75,00€

Referência:12629
Autor:Bernardino, Teresa
Título:SOCIEDADE E ATITUDES MENTAIS EM PORTUGAL (1777-1810)
Descrição:

Imprensa Nacional - Casa da Moeda , lisboa, 1985. In-8º de 238-(7)págs. Br.

Observações:

Da contracapa
Época de mudança - época de continuidade, eis o quadro em que se moveram a politica, a ecónomia, a lei, o poder e as mentaliddades no Portugal posterior à governação pombalina.
Buscando os aspectos específicos em que se delinearam as estruturas de base da sociedade, traçaram-se as linhas de força dos sentimmentos religioso, patriótico e do medo.

Preço:16,00€

Referência:13230
Autor:CUNHA, Silva
Título:ASPECTOS DOS MOVIMENTOS ASSOCIATIVOS NA ÁFRICA NEGRA I E II
Descrição:

Junta de Investigações do Ultramar. Ministério do Ultramar, Lisboa, 1958. 2 volumes de in-8º de 104 e 90 págs. Br. profusamente ilustrados em extra-texto com estampas e mapas desdobráveis a cores e a preto e branco. Capas de brochura com alguns picos de acidez e manchas de água. Com sublinhados ao longo do texto.

Observações:

Estudo muito exaustivo sobre as movimentos associativos na áfrica negra, e em especial em Angola. Movimentos que o autor divide em religiosos, sociais e políticos.

Preço:35,00€

Referência:13740
Autor:LOBO, António Costa
Título:HISTÓRIA DA SOCIEDADE EM PORTUGAL NO SÉCULO XV
Descrição:

Edições Rolim, Lisboa, S/d. In-8º de XXIX-602 págs.Br. Facsímile. da edição da Imprensa Nacional, 1903.

Observações:

Facsímile da obra de Costa Lobo com um prefácio de José Mattoso.

ADVERTÊNCIA

O presente volume contém a primeira secção de uma  Historia Social de Forfiajal no século xv, em que trabalhamos.

No organismo da sociedade, como elle se achava  constituído durante este século, o ultimo da idade média, operaram-se, logo nos princípios do subsequente, radicaes alterações, as quaes se não podem entender sem o conhecimento do estado anterior: o exame d'este é, portanto, uma introducçào indispensável á historia da idade moderna. Era sobre o século xvi que tencionávamos escrever: a necessidade obrigou-nos a remontar ao precedente.

Na sequencia da narrativa occorrerá menção de um ou outro facto, que não se documenta por ter de ser desenvolvido em outra secção, onde será devidamente  auctorizado. Nenhum, porém, asseveramos, sem haver
previamente colligido as provas da sua exactidão. Após esta. que é destinada a apresentar um conspecto
genérico da sociedade, e, juntamente, certos factos fundamentaes da sua vida económica, o objecto de cada secção será uma condição social distincta: mas, naturalmente, são todas mais ou menos interdependentes.

Preço:19,00€

Referência:13530
Autor:RODRIGUES DA COSTA, José Daniel
Título:PORTUGAL ENFERMO por vícios, e abusos de ambos os sexos, dedicado ao senhor José Luís Guerner, Cônsul de S. M. Siciliana
Descrição:

Na Impressão Régia, 1819-1820. Dois volumes de in-8º de 69 e 73 págs. Encadernação moderna inteira de pele com dizeres a ouro em rótulo de pele azul na lombada.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

INVULGAR.

Observações:

Folhetos onde o autor faz uma sátira  ao Portugal do início do século XIX, cuja sociedade o autor considerava viciosa e perdida, entregando-se a festas e a modas importadas do estrangeiro e ao jogo, desprezando tudo o que é português. Depois da sátira em verso, o autor acrescentou algumas charadas, adivinhas e improvisos, que não tendo relação com o tema principal, tinham a  função de avolumar os impressos e divertir dos leitores.


Portugal, Portugal ! Eu te lastimo !
E bem que velho sou ainda me animo
A mostrar-te os defeitos, e os excessos
Dos costumes, que tens já tão avessos
Dos costumes, que tinhas algum dia,
Quando mais reflexão na gente havia.
Tu de estranhas Nações foste envejado;
Hoje faz compaixão teu pobre estado:
Cada vez te vão mais enfraquecendo,
Todo o brilho, que tinhas, vas perdendo:
Paraiso do mundo te chamavão;
As mais Nações com tigo se animavão;
Ellas porém ficarão sãs, e fortes;
E tu todo o instante exposto aos córtes
Da usura, da ambição, da falcidade,
Do egoismo, da fuga, da impiedade:
Males, que aos que bem pensão cauzão tédio,
A que apenas descubro hum só remedio,
Que outro melhor não ha, a que se apelle,
E muita gente chora a falta d’Elle…

 

Preço:80,00€

Referência:13529
Autor:RODRIGUES DA COSTA, José Daniel
Título:IDÉAS VAGAS sobre varios assumptos para Recreio de todas as pessoas de ambos os sexos.
Descrição:

Na Officina de Simão Thaddeo Ferreira, Lisboa, 1822. In-8º de 79 págs. Encadernação moderna inteira em percalina azul com dizeres e florões a ouro na lombada. Exemplar inteiramente por aparar.

INVULGAR.

Observações:

Curioso folheto com poemas sobre Portugal  e a sociedade portuguesa, deste escritor e frequentador das tertúlias da Arcádia Lusitana.

Innocêncio afirma  “Dotado  de  bom humor, e maneiras affaveis, era bem quisto de todos que o conheciam, e que applaudiam os seus chistes e ditos naturalmente engraçados, e satyricos. Viveu por muitos annos decentemente dos proventos do seu emprego, e do producto dos muitos papeis que imprimia, e que eram bem acolhidos do  publico. Sabendo amoldar-se ás circumstancias politicas do tempo, escreveu sucessivamente a favor  das idéas liberaes e do governo absoluto.”

Preço:42,00€

reservado Sugerir

Referência:13836
Autor:VENTURA, Leontina [coord.]
Título:ECONOMIA, SOCIEDADE E PODERES estudos em homenagem a Salvador Dias Arnaut
Descrição:

Editora Ausência, V. N. de Gaia,  2004. In-8º de 861 págs. Encadernação editorial com sobrecapa. Ilustrado com gráficos ao longo do texto.

Observações:

Conjunto de estudos feitos por grandes nomes da ecónomia e história de Portugal subordinados a três grandes temas: Estruturas de poder; Sociedade e economia e Cultura e práticas religiosas.

Preço:10,00€