Banner Temas de Livros

Palavras chave | Key Words

Açores | África | Afrodite | Agricultura | Alemanha | Alentejo | Algarve | América | Anais | Angola | Anti-Clericalismo | Antigo Regime | Antologia | Aramaico | Arqueologia | Arquitectura | Arquitectura Militar | Arquitectura Religiosa | Arte | Arte Monumental | Arte Popular | Arte Portuguesa | Artes Decorativas | Artes Plásticas | Artesanato | Autógrafos | Aveiro | Azurara | Bacalhau | Barrancos | Beira | Bibliofilia | Bibliografia | Biografia | Botânica | Braga | Bragança | Brasil | Cabo Verde | Caça | Calão | Camiliana | Camões | Campo Maior | Canada | Caricaturas | Casa de Bragança | Castelo Branco | Castelo de Vide | Catálogo | Ceilão | Censura | Cerâmica | Cervantes | Ceuta | Chaves | China | Ciências | Ciganos | Cinema | Cister | Coimbra | Colonização | Conto | Contos | Correspondência | Costumes | Cristãos Novos | Crítica | Crónica | Cuba | Culinária | D. Henrique | Dança | Descobrimentos | Descolonização | Diário | Dicionário | Diplomacia | Direito | Ditadura | Douro | Economia | Edição especial | Educação | Educação Sexual | Emigração | Ensaio | Ensino | Epístola | Epistolografia | Ericeira | Erotismo | Escultura | Esoterismo | Espanha | Estado Novo | Estanho | Estoril | Estremoz | Estudos Pessoanos | Etnografia | Europa | Évora | Fauna | Fernando Pessoa | Figueira da Foz | Filologia | Filosofia | Flora | Folclore | Fotografia | França | Fundão | Galiza | Genealogia | Geografia | Gil Vicente | Goa | Grécia | Guerra | Guerra Colonial | Guerra Peninsular | Guiné | Hagiografia | Hebraico | História | História Natural | Humanismo | Idade Média | Igreja | Iluminura | Ilustração | Imprensa | In Memoriam | Índia | Industria | Inglaterra | Inquisição | Invasões Francesas | Islão | Itália | Japão | Jesuítas | Jogo de Cartas | Jornalismo | Judeus | Latim | Leiria | Liberalismo | Linguagem | Linguística | Lisboa | Literatura | Literatura de Cordel | Literatura de Viagens | Literatura Infantil | Literatura portuguesa | Livro | Livros Proibidos | Macau | Maçonaria | Madeira | Malacologia | Mariana Alcoforado | Marinha | Marquês de Pombal | Marrocos | Medicina | medieval | Memórias | Militar | Minho | Misericórdias | Missões | Mitologia | Moçambique | Modernismo | Monarquia | Monarquia Constitucional | Muçulmanos | Música | Música Portuguesa | Neo-Realismo | Novela | Numismática | Ordem Monástica | Oriente | Ourivesaria | Patuleia | Pedagogia | Pesca | Pintura | Piratas | Poesia | Polémica | Polícia | Política | Porto | Portugal | Presença | Primeira Guerra Mundial | Primeiras edições | Propaganda | Prostituição | Publicidade | Queirosiana | Quintentista | Rafael Bordalo Pinheiro | Raro | Regional | Religião | Religiosa Portuguesa | Renascimento | República | Restauração | Revista | Ribatejo | Romance | Romanceiro | Romantismo | S. Tomé e Príncipe | Salazar | Santarém | Sátira | Sebastianismo | Segunda Guerra Mundial | Sermão | Sexualidade | Sociedade | Solares | Surrealismo | Tauromaquia | Tavira | Teatro | Tecnologia Tradicional | Teologia | Termas | Terminologia Militar | Timor | Tipografia | Tiragem Especial | Torres Vedras | Tradução | Trás-os-Montes | Tratado | Turismo | Ultramar | Universidade | Viagens | Viana do Castelo | Vila Nova de Gaia | Vila Real | Vinho | Viseu | Vista Alegre | Zoologia

Módulo background

Militaria, 1ª & 2ª Guerra Mundial

Foram localizados 9 resultados para: Militaria, 1ª & 2ª Guerra Mundial

 

Referência:14030
Autor:autoria indefinida
Título:REGULAMENTO GERAL PARA O SERVIÇO DOS CORPOS DO EXERCITO approvado por decreto de 21 de Novembro de 1866
Descrição:

Ministério da Guerra. - Imprensa Nacional, Lisboa, 1877. In-8º de 194-(41) págs. Encadernação meia inglesa com dizeres a ouro na lombada. Miolo com alguns raros picos de acidez. Ilustrado com pautas musicais.

Observações:

Nova edição do Regulamento Geral para o Serviço dos Corpos do Exército aprovado por Pereira de Melo em 1866, de salientar que a "nova edição se juntasse, em appendice, tudo o que até hoje tem sido publicado, derrogando ou ampliando algumas das disposições contidas no mencionado regulamento". Apresenta no final um capítulo com partituras musicais com toques para trombones, chama de furrieis, toques para formar companhias e esquadroes, etc...

Preço:45,00€

Referência:13840
Autor:BARBOSA, José [comp.]
Título:ARTE MILITAR NA BIBLIOTECA GERAL DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA (Séc. XVI-XVIII)
Descrição:

Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra, Coimbra, 1990. In-8º de 63- (30) págs. Br. Profusamente ilustrado com reproduções, algumas em páginas desdobráveis e armamentos, fortificações, capas de livros, etc.

 

Observações:

Obra com a  vasta bibliografia sobre arte militar impressa entre os séculos XVI e XVIII,  que pode ser encontrada no acervo da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra, em Portugal. Para além da bibliografia constam da publicação dezenas de gravuras ilustrativas: armamentos, fortificações, capas de livros, entre muitas outras.

Da Introdução:
"Possui a Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra nos seus fundos bibliográficos um núcleo muito significativo de obras impressas nos séculos XVI a XVIII, sobre arte militar. Estas obras, provenientes dos antigos colégios universitários, ou adquiridas durante o século XVIII em leilões e livreiros, em especial franceses, estão de perto relacionados com o ensino da matemática, álgebra, aritmética, geometria, trigonometria, física, etc., com aplicações directas e práticas na balística e arquitectura militar, consideradas em termos de defesa e ataque, numa arma então em evolução e grande desenvolvimento como foi a artilharia.
Não é, pois, de estranhar, pelo seu conteúdo matemático, a existência de uma bibliografia deste tipo nos planos tradicionais do estudo universitário, o que, para os séculos XVII e XVIII, ganha uma incidência especial na implicação de Portugal, por vezes directamente, nas guerras através das quais se procurou estabelecer o equilíbrio europeu, e em cujo número cumpre destacar a Guerra dos 30 Anos, a Guerra da Restauração, a Guerra da Sucessão de Espanha e a Guerra dos 7 Anos, num período que, lato sensu, se pode prolongar, do ponto de vista dos meios militares em uso, até às Invasões Francesas, embora, por esta altura, e mercê do desenvolvimento da arte e táctica militares, a utilização da fortaleza abaluartada fosse progressivamente abandonada."

 

Preço:16,00€

Referência:12753
Autor:BROCHETT, M. M. L. P
Título:O ANNO DAS BATALHAS OU GUERRA FRANCO-ALLEMÃ.
Descrição:

Livraria Portuense, Porto, 1897.  In. 4º de XV-315-(4) págs. Encadernação inteira em sintético com dizeres a ouro na lombada. Com capas de brochura conservadas. Ligeiro aparo gerenralizado. Ilustrada ao longo do texto.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

INVULGAR.

Observações:

Exaustivo estudo sobre a guerra Franco-Alemã  abordando, entre muitos outros assuntos,  A história e causas da sua origem, as biographias do Rei da Prussia, do ex-Imperador dos Francezes e dos estadistas e generaes de ambos os paízes; as condições financeiras sociaes e militares de cada um, as armas empregadas e descripção circuntanciada de todos os movimentos militares e batalhas da guerra; a revolução em França, a rendição de Paris; a conclusão da guerra, o tratado de paz e a organização do governo provisório.

Preço:48,00€

Referência:14009
Autor:CASTRO, Augusto de
Título:CAMPO DE RUÍNASimpressões da guerra
Descrição:

Editôres – Santos & Vieira / Empresa Literária Fluminense, Lisboa, 1918. In-8º de 209-(3) págs. Br. Ostenta uma assinatura de posse. Lombada com algumas falhas.

PRIMEIRO MILHAR.

Observações:

Conjunto de crónicas sobre a  Grande Guerra escritas  pelo autor  a partir de França.

Índice:
Dedicatória. Campo de ruínas. I - Soldados portugueses: - O sol de Portugal! - Uma parada militar na Flandres. - Nas trincheiras. - Nas ambulâncias e nas baterias. - O general Tamagnini. II - Ruínas e heróis: - Como se vive na guerra. - O Milagre. - A Catedral. - Nas linhas inglêsas. - A morte da águia. - A cidade morta. III - O eco das batalhas: As deusas brancas. - A ofensiva da paz. - Como a Alemanha será vencida. - Paisagens da guerra. - Venizellos e Lloyd George. - Uma falsa «alerte». - O que é preciso dizer a Portugal.

Do preâmbulo, Campo de ruínas:

"Campo de ruínas, campo da morte - horizonte das grandes batalhas, donde a vida se sumiu, sôbre êle passa, por vezes, afugentada pela tempestade da artilharia, uma revoada de aves que corta o espaço e foge, desaparece no céu crispado e trágico. [...] Os homens, nas grandes covas do lôdo e da traição, espiam-se da sombra. Só os aviões, pássaros sinistros do Ódio, se elevam no ar que o eco dos canhões agita com o marulhar do vento. A voz das coisas calou-se. Os próprios corvos debandaram. Nessa sepultura gigantesca, povoadas de vivos, a voz de Deus emmudeceu.
É neste lívido scenário, em que o sol nasce tinto de sangue, que se desenrola o grande Drama Humano."

Preço:23,00€

Referência:13668
Autor:ESTEVES, Raul
Título:ALGUMAS OBSERVAÇÕES SOBRE A GUERRA DE ESPANHA
Descrição:

Edição de autor, Lisboa, 1939. In-8º de 106 págs. Encadernação meia francesa em chagrin com dizeres e florões em pele. Conserva capas de brochura.

INVULGAR.

Observações:

Estudo militar de um general que comandou a Missão Militar Portuguesa de Observação em Espanha na Guerra Civil de Espanha.
Obra divide-se em três partes:
Ensinamentos de ordem estratégica; Ensinamentos tácticos; Observações relativas ao factor moral da luta.

Preço:28,00€

Referência:12871
Autor:FERREIRA MARTINS, Gen. Luís Augusto
Título:HISTÓRIA DO EXÉRCITO PORTUGUÊS
Descrição:

Editorial Inquérito, Lisboa, 1945. In-4.º de 576 págs. Encadernação meia francesa em pele castanha com dizeres e florões a ouro sobre rótulo vermelhona lombada. Obra profusamente ilustrada ao longo do texto e em extra-texto representando castelos, aspectos de batalhas, retratos, bandeiras, uniformes,  armas, etc.

PRIMEIRA EDIÇÃO.

 

Observações:

Obra monumental sobre a história do  exercito português, abordando também as suas operações fora do território continental, guerras em África, guerras da Península, guerras na Europa, ilustradas com mapas desses teatros de operações.

"A obra divide-se em dez capitulos, o primeiro dos quais é apenas como que uma introdução, em que se procura pôr especialmente em foco a influência dos povos que ocuparam a Peninsula, antes da fundação da nacionalidade portuguesa, nas instituições militares, por esta seguidamente adoptadas.
Os restantes capitulos corresponderiam aos principais periodos da acção ou da evolução do Exercito, terminando em 1918, no fim da Grande Guerra, que marcou a ultima grande e fase da actividade bélica do Exército nacional."


 

 As operações do exército português fora do território continental (guerras em África, guerras da Península, guerras na Europa) são ilustradas com mapas desses teatros de operações. As armas utilizadas em cada período pelos contendores são reproduzidas em fotografias e gravuras.

 Na Grande Enciclopédia Portuguesa e Brasileira, Vol. 11, 202: “... Nasceu em Lisboa em 1875, onde fez o curso liceal de 1885 a 1890, depois a Escola Politécnica de Lisboa, onde tirou os preparatórios de Engenharia e Artilharia para a Escola do Exército, tirando nesta o curso de Artilharia de 1893 a 1895. Tirou ainda o curso do Estado-Maior. Como Tenente de Artilharia fez parte da expedição a Moçambique (1897-98). Em 1906 passou a servir no Estado-Maior. Quando da primeira Grande Guerra foi sub chefe do Estado-Maior do C. E. P. em França de 1916 a 1919. Comandou o Regimento de Infantaria 5 (1923), e a escola Central de Oficiais de 1929 a 1933. Promovido a general por escolha, em 1930, foi administrador geral do Exército de 1936 a 1940 ..."

 

 

Preço:145,00€

Referência:10985
Autor:LATREILLE, André
Título:HISTÓRIA DA II GUERRA MUNDIAL (ENSAIO DE ANÁLISE E DE EXPLICAÇÃO)
Descrição:Editorial Ester, Lisboa, S.d. In. 8.º de 369 págs. Br. Ilustrado em extra-texto.Capa de Geraldes Sobreiro.
Observações:Obra que é um bom guia para a compreensão da complexidade da Segunda Guerra Mundial.
Preço:13,00€

Referência:12850
Autor:LE BON, Gustave
Título:LE ENSEIGNEMENTS PSYCHOLOGIQUES DE LA GUERRE EUROPEENNELes causes économiques, affectives et mystiques de la guerre. Les forces psychologiques en jeu dans les batailles. Les variations de la personnalité. Les haines de reces...
Descrição:

Ernest Flammarion, Paris, 1916. In-8º de 364 págs. Encadernação meia inglesa com dizeres a ouro na lombada que se apresenta ligeiramente cansada. Livro em francês.

INVULGAR.

 

Observações:

Livro bastante curioso escrita por Gustave Le Bon,  psicólogo social, físico amador e sociólogo. Le Bon é  um dos nomes mais importantes da área da psicologia, os temas que abordou foram de importância fundamental no século XX. Entre eles, destacam-se psicologia das massas, comportamento de manada e teorias sobre características nacionais e de superioridade de raça.

neste livro ele aborda os ensinamentos psicológicos que se podem retirara da guerra na Europa.

"Je ne me suis pas proposé d’étudier dans cet ouvrage les événements de la guerre européenne, mais seulement les phénomènes psychologiques dont sa genèse et son évolution restent enveloppées.

La narration fidèle d’une telle lutte serait impossible aujourd’hui. Trop de passions nous agitent. Les générations qui créent l’histoire ne sauraient l’écrire. Le recul du temps est nécessaire à l’intelligence des grands drames que les passions des hommes font surgir. Sans équité pour les vivants, l’histoire n’est impartiale que pour les morts."

 

Do Índice

 

 Les forces affectives, collectives et mystiques. Leur rôle dans la vie des peuples.; Naissance et développement de la puissance allemande, La conception de l’État des philosophes allemands et leur interprétation de l’histoire; La mentalité allemande moderne; Les causes économiques et politiques de la guerre; Rôle des influences mystiques sur la genèse de la guerre. — l’idéal d’hégémonie; l’ultimatum de l’Autriche et la semaine des pourparlers diplomatiques;  Rôle de l’Allemagne, de l’Autriche, de la Russie et de la France pendant la période des pourparlers;  Les forces psychologiques en jeu dans les batailles; Les conséquences des imprévisions et des erreurs de psychologie dans la genèse des conflits, entre muitos outros capítulos.

Preço:19,00€

Referência:13472
Autor:PONTE, José de Passos
Título:ORIGENS E RESPONSABILIDADES DA GUERRA DE 1914
Descrição:

Livraria Central Editora de Gomes de Carvalho, Lisboa, 1934. In-8º de 215 págs. Br. Com alguns picos de acidez no miolo.

INVULGAR.

Observações:

"Conferências realizadas na Universidade popular portuguesa, de Lisboa, nas noites de 11, 16 e 23 de novembro de 1933." onde o autor faz uma resenha histórica sobre a Primeira Grande Guerra.

Do prefácio:

"Conhecer a verdade sobre a guerra de ontem e é trabalhar contra a guerra de amanhã.
Porisso aqui nos encontramos , unidos todos no mesmo pensamento de Fraternidade Humana."

Preço:32,00€